Primeiros Free Shops Brasileiros próximos de abrir: Confira!

Criação de Sites em Porto Alegre

Primeiros Free Shops Brasileiros próximos de abrir: Confira!

junho 6, 2019 Brasil Dicas e Postagens Notícias 0

Primeiros Free Shops Brasileiros próximos de abrir: Confira!

Uruguaiana – RS e Jaguarão – RS serão as duas cidades com lojas dos primeiros Free Shops do Brasil

A Receita federal informou a coluna “acerto de contas” do site GauchaZH, que autorizou a abertura dos dois primeiros Free Shops brasileiros. Ainda segundo a coluna, o caso dos free shops teve seu início há 5 anos, quando uma lei foi criada tornando possível a abertura de lojas francas terrestres. A autorização será publicada no Diário oficial da união sexta-feira, 07/06/2019.

A coluna também informa que ao todo, 10 estados possuem 32 cidades aptas a receber free shops em todo o Brasil. Essa autorização abre precedente para que mais lojas e mais empresas do setor aqueçam de vez a economia das regiões de fronteira do Brasil, inclusive a economia gaúcha.



Empresas que abrirão os primeiros Free Shops Brasileiros:

  • Duty Free
  • Caraballat

1. Duty Free

primeiros free shops brasileiros duty free uruguaiana rs

A Dufry é uma varejista global de viagens com operações em 65 países. A diversificação geográfica é um elemento-chave da estratégia da empresa. A Dufry está comprometida com a boa Governança Corporativa, Abertura e Transparência para o benefício de acionistas, clientes, parceiros de negócios e funcionários. Nesta seção, você pode encontrar todas as informações relacionadas à estrutura da empresa, como ela é executada e governada e como isso é regulamentado.

A Dufry busca constantemente a excelência em todos os seus negócios, em todas as áreas internas e internas da empresa. Ao longo de décadas de experiência, isso foi reconhecido pelo mundo exterior e a Dufry está encantada e orgulhosa por ter recebido uma variedade de prêmios que refletem seu status de líder em varejo de viagem em todo o mundo.



2. Caraballat

primeiros free shops brasileiros caraballat jaguarão rs

O Caraballat é o primeiro FreeShop inscrito para se instalar no Rio Grande do Sul, em breve abrindo suas portas em Jaguarão/RS! Muitas pessoas tem dúvidas sobre quem poderá usufruir dos Free Shops brasileiros, mas a resposta é simples: Todos. Tanto brasileiros quanto estrangeiros poderão comprar, respeitando a cota de US$300,00 por pessoa.

As melhores marcas internacionais de cosméticos e perfumaria estarão no Caraballat Free Shop. Já temos nossa parceria fechada com grandes nomes do setor, para trazer produtos de qualidade superior à nossos clientes.



Regras de compras

  • A cota máxima de compras é de US$ 300 por CPF ou o equivalente em outra moeda a cada intervalo de 30 dias em compras de produtos nacionais.
  • O excedente em mercadorias importadas terá taxa de 50%.
  • Compra de Bebidas alcoólicas – 12 litros
  • Compra de Cigarro – 20 maços
  • Compra de Charutos ou cigarrilhas – 25 unidades
  • Compra de Fumo preparado para cachimbo – 250 gramas

Ainda se tenta manter a cota para brasileiros comprarem em free shops estrangeiros quando estão em viagens terrestres. Com a abertura das lojas francas no Brasil, o limite cairia de US$ 300 para US$ 150. Se aumentar, o consumidor poderá gastar um total de US$ 600 sem pagar tributos sobre o excedente. Metade de cada lado da fronteira.



Receita Federal

A Receita Federal desenvolveu um sistema de controle específico para acompanhar o fluxo comercial do novo regime especial. As regras são mais avançadas do que nas lojas já existentes nos portos e aeroportos com movimentação internacional de passageiros. O serviço já era disponibilizado aos turistas brasileiros em países vizinhos. Muitos atravessavam a fronteira de Foz do Iguaçu, por exemplo, para fazerem compras na Argentina e no Paraguai.

Agora os estrangeiros também poderão cruzar a fronteira e vir ao Brasil comprar em free shops com os mesmos incentivos oferecidos pelas lojas francas dos países vizinhos. Além de movimentar o comércio do lado brasileiro, o novo regime fiscal da fronteira irá concorrer com os países vizinhos. A atração de turistas também deverá ampliar a oferta de empregos em outros serviços e atrativos turísticos brasileiros.

No Rio Grande do Sul, por exemplo, 11 cidades na fronteira com a Argentina e o Uruguai poderão abrir free shops. É o caso de Santana do Livramento que irá concorrer com a vizinha Rivera. A cidade do Uruguai, atualmente, atrai turistas para compras dos dois lados da fronteira. São consumidores de bebidas, calçados, confecções e eletrodomésticos, entre outros produtos, que serão vendidos no Brasil livres de impostos.



Conclusão

Se você gostou do nosso post, compartilhe ele nas suas redes sociais. Se gostaria de solicitar a Gauchaweb um orçamento para criar ou redesenhar o seu site, gerenciar uma campanha de marketing digital e social, basta enviar uma mensagem. Você também pode ligar ou enviar mensagem por whatsapp para o Fone: (51) 99537-9296.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat